Caipirinha de café.jpeg

UMA HISTÓRIA DE MUITO AMOR!

A construção do Sanjão – em condições tão adversas quantos inusitadas –  resulta em uma identidade própria, muito particular. Uma realidade que está presente nos pratos, no atendimento, na música, na decoração e sobretudo no lugar rústico, brasileiro, não convencional.

O nome "Sanjão", vem da corruptela caipira de São João. A inspiração para a criação dessa casa vem do casal, Emerson e Stella. Ela uma administradora, empreendedora do ramo do turismo, ele um produtor rural e atleta, ultramaratonista de corrida de montanha. Quase todo o trabalho é feito por ambos, juntos, do planejamento à operação.

IMG_2398 - cópia 2_edited.jpg

Além do reconhecimento da clientela que logo se formou, em agosto de 2021 o restaurante é agraciado com o Travellers' Choice,  prêmio concedido pelo maior site de viagens do mundo, o TripAdvisor, a apenas 10% dos restaurantes no mundo.

Em novembro de 2021, porém, um revés quase pôs fim a jornada do pequeno negócio familiar. O contrato de arrendamento do imóvel terminou e, sem a possibilidade de renovação, o Sanjão é obrigado a desocupar o espaço, construído do zero com enorme esforço.

 

Seguindo com a vida, em fevereiro de 2022, o casal encontra uma charmosa casinha de colono, antiga, na estrada principal do bairro de Vera Cruz, distrito rural do município de Miguel Pereira, também no estado do RJ. E lá se vão os dois, com muito trabalho pela frente e muito amor, para a nova empreitada: reabrir o Sanjão. No momento (abril/2022), o restaurante encontra-se em obra. A data da reabertura, tão logo seja marcada, será divulgada nas redes sociais.

O Sanjão está localizado de frente para o rio Santana, entre o Largo da Piedade e o Viaduto Paulo de Frontin, em Miguel Pereira, dentro da região turística do Vale do Café. O bairro, Vera Cruz, concentra várias cachoeiras e também a belíssima Santa Cecília, uma Fazenda histórica do Ciclo do Café, que recebe para visitação.

Restaurante rústico. Fogão a lenha.
Culinária típica, regional brasileira, servida em um 
Ambiente simples, acolhedor, cercado de natureza. 

O restaurante abriu as portas em janeiro de 2019 no Vale das Videiras, em Petrópolis, região serrana do estado do RJ. Em outubro de 2018, Emerson e Stella arrendaram um terreno, fora do centrinho comercial local, com o objetivo de construir ali o restaurante. Uma área ampla, à beira da estrada, tipo pasto, com o rio Fagundes passando nos fundos, uma ruína e só. Ali reconstruíram a antiga construção existe. Quase toda a obra foi feita por eles, com as próprias mãos, incluindo o fogão a lenha, as paredes de pau a pique e a maior parte do mobiliário. Sem capital, sem equipamentos, mas munidos de cumplicidade e determinação para realizar o projeto, eles trabalharam duro e conseguiram erguer o Sanjão.

O novo endereço conserva as mesmas características de lugar que é típico do Sanjão:: simples, rústico, cercado de natureza.